fbpx
carta aos leitores - setembro 2021

Um dia vou amar-te e fazer-te muito feliz… (carta de setembro de 2021)

No mês passado recebi (e respondi) a mais umas dezenas de e-mails e testemunhos… gostaria de destacar estes 3 por serem os que mais me despertaram a atenção!

Espero que gostes…

EMAIL 1

Bom dia,

Estou interessado em aprender como posso investir em empresas cotadas na Bolsa.

Vi que tens investido em empresas que são gigantes mundiais, como a Amazon, a Facebook e a Google… não achas que essas empresas já são tão grandes que poderão não ter muito mais potencial de crescimento?

O que achas de investir em empresas que ainda não são gigantes mas que têm um potencial de crescimento brutal porque estão a desenvolver uma nova tecnologia que vai revolucionar o mundo?

A MINHA RESPOSTA

Tal como refiro em todos os vídeos e artigos que partilho regularmente, só invisto as minhas poupanças em empresas líderes de mercado que têm faturação e lucros crescentes nos últimos 4 a 5 anos, que tenham uma grande vantagem competitiva face à concorrência e só compro ações quando os preços estão abaixo (20%) ou muito abaixo (30 a 40%) abaixo do valor intrínseco.

Dessa forma, tenho uma grande margem de segurança e obtenho lucros muito maiores quando os preços começam a subir.

Investi na Google (empresa Alphabet) há menos de um ano e tenho atualmente 95% de valorização (em menos de 12 meses).

Porque razão haveria de investir numa empresa que apenas têm o potencial quando posso investir nas empresas que estão assentes em tecnologia, inteligência artificial e cloud computing e à custa disso conseguem triplicar os seus negócios sem terem que triplicar os custos e todas as infraestruturas?

Porque razão haveria de querer a namorada que diz “Um dia vou amar-te e vou fazer-te muito feliz” quando tenho várias beldades que neste momento me dizem ao ouvido “Amo-te!” 🙂

Percebes a ideia?

Porque é que vais comprar um bilhete da lotaria se podes casar com aquela beldade que já ganhou a lotaria?

EMAIL 2

Boa noite Pedro,

Tenho visualizado os teus vídeos no TikTok e no teu canal Youtube, o que me tem despertado algum interesse em subscrever o teu curso online, mas gostaria de saber se consideras que existe algum valor mínimo para nos iniciarmos nos investimentos na bolsa.

Sou leigo nesta matéria. Por outras palavras, não percebo nada disso.

Caso decida investir, tenho uma sócia, a minha filha, que acabou este ano o curso de gestão de empresas e também tem visualizado os teus vídeos.

Cumprimentos,

[…]

A MINHA RESPOSTA

Olá […], bom dia.

Fico muito satisfeito que tu e a tua “sócia” gostem do conteúdo que partilho no TikTok e no Youtube.

Como sabes, eu não sou consultor financeiro e por isso não te posso dar conselhos de investimento, apenas posso partilhar o que faço, para fins pedagógicos (e por vezes, para fins de entretenimento! 😊).

Há quem diga que podes começar a investir na Bolsa a partir de 1€.

Pessoalmente não concordo porque, por exemplo, na Bolsa americana pagas 0.50€ de comissão para comprar uma ação… e com o valor remanescente não comprarás nenhuma ação de uma empresa com excelentes fundamentos.

Pessoalmente, não começaria a investir em empresas cotadas na Bolsa se não tivesse pelo menos entre 1000 e 5000€ que não necessitasse nos próximos 3 a 5 anos.

Em relação ao meu curso, aproveito para te deixar algumas indicações relevantes:

Como as aulas já estão gravadas, poderás assistir ao teu ritmo e onde quiseres, desde que tenhas um dispositivo com acesso à internet (móvel ou fixa).

Neste curso online não ensino a calcular o valor intrínseco das ações. Disponibilizo os valores intrínsecos (das empresas onde invisto e que estou a observar para investir) num ficheiro Excel que atualizo para mim e para partilhar com todos os subscritores do curso. Esse ficheiro encontra-se no 4º módulo do curso (vê a última imagem que apresentei anteriormente).

Eu sou aluno do Adam Khoo e uso todos os valores intrínsecos que a equipa dele calcula trimestralmente para as empresas onde estamos a investir. No início ainda comecei a calcular os valores intrínsecos, mas rapidamente percebi que os valores que eu obtinha não tinham nada a ver com os valores que ele obtinha.

Mais tarde percebi que ele tem acesso a dados e informações às quais eu não tenho acesso. A título de exemplo, ele tem uma subscrição anual de $20 000 na CapitalIQ e uma subscrição anual na Bloomberg que custa $7000… Sem essas subscrições eu nunca terei acesso a toda a informação de que ele dispõe, mas como sou aluno dele, não necessito disso para nada porque a equipa dele usa essas informações para calcular tudo para mim! 😊

Ao optar por não ensinar a calcular o valor intrínseco das ações, disponibilizando-o num Excel partilhado, garanto que toda a gente consegue investir (na Bolsa) em empresas com excelentes fundamentos quando os preços das ações estão a ser negociados “em saldo”.

Para perceberes um pouco melhor como funciona o meu curso online, sugiro que ouças os episódios 5764 do meu podcast “Conversas Despreocupadas” que divulguei recentemente.

Se pretenderes mais informações sobre o curso online, podes ver igualmente as respostas às perguntas frequentes no fundo da página de compra do curso.

A subscrição anual do curso online também inclui o convite para integrares a comunidade privada e exclusiva no Telegram onde eu e os restantes membros do curso trocamos ideias regularmente.

Grande abraço e espero ver-vos (a ti e à tua sócia) em breve no grupo exclusivo no Telegram.

PATROCINADOR DESTE MÊS

Este mês, as “Cartas ao leitor” são patrocinadas pela StreamYard, a plataforma de vídeo que utilizo para fazer diretos com os membros do meu curso online “Investir na Bolsa”, para fazer gravações de ecrã enquanto explico o que estou a fazer e para gravar os vídeos dos episódios do podcast “Conversas Despreocupadas” (com ou sem convidados!).

A versão gratuita funciona às mil maravilhas, mas eu não gosto de ver o logótipo alheio no canto superior direito dos meus vídeos.

Além disso, optei por subscrever a versão paga porque me permite gravar os vídeos em qualidade HD, com 1080 de resolução.

Se decidires experimentar a versão gratuita para gravar os teus vídeos e partilhar nas redes sociais, podes aceder diretamente aqui: https://streamyard.com

Se pretendes gravar vídeos muito mais profissionais para usares como aulas para o teu futuro curso online, sugiro que faças como eu e subscrevas um dos planos da StreamYard. Clica neste link para subscreveres com o meu código de $10 de desconto.

Já sabes que só te recomendo as plataformas que adoro e que uso regulamente… e de todas as plataformas de vídeo que já experimentei esta é a única que me permite fazer tudo o que pretendo durante as gravações dos vídeos e por isso não me obriga a gastar tempo a fazer novas edições mais tarde.

A título de exemplo, aqui fica um vídeo que gravei com a plataforma StreamYard, de forma a perceberes como funciona e quais são as principais funcionalidades de que dispões em tempo real.

EMAIL 3

Boa tarde.

Tenho acompanhado alguns vídeos que publica no tiktok sobre os seus investimentos na bolsa.

Revejo-me em muita coisa que diz nos vídeos.

Eu já invisto e acompanho as bolsas desde 2009 e as minhas análises e escolhas não diferem muito das suas.

Invisto em empresas grandes, lucros estáveis e crescentes, e compro ações preferencialmente quando o Price to Earnings ratio está abaixo da média.

Essa é a melhor postura para se estar a investir em empresas cotadas na bolsa, porque somos sócios dessas grandes empresas.

Infelizmente, pouca gente tem a paciência de investir dessa forma, a longo prazo. Quase toda a gente quer obter lucros rapidamente e por perseguirem essa ideia investem em “cenas” da moda, tipo as criptomoedas, as empresas de produtos à base de Cannabis (em 2018 e 2019), etc…

Tal como o Pedro, eu não invisto em criptomoedas. Posso estar a perder uma grande oportunidade. Mas as cripto cheiram-me muito a bolha e as bolhas um dia rebentam e tudo acaba mal.

Um grande abraço e continue assim. Força.

A MINHA RESPOSTA

Olá […],

Fico muito satisfeito por ler este email e por perceber que já investes na Bolsa há tantos anos… e gosto de saber que temos a mesma filosofia de investimento de longo prazo.

Fiz muitas asneiras nos primeiros 12 a 18 meses em que investi na Bolsa, mas felizmente decidi parar com a idiotice do trading diário e do swing trading e dediquei-me a comprar ações apenas de empresas com excelentes fundamentos quando os preços estão muito abaixo do valor intrínseco.

Essa foi a estratégia que comecei a implementar durante o pânico mundial associado ao 1º confinamento do COVID e quando olho para trás fico orgulhoso por ter tido “bolas de aço” para ignorar praticamente tudo o que aparecia nos canais Youtube e nos canais e sites de notícias financeiras.

Atualmente, está a acontecer algo parecido em excelentes empresas chinesas, e penso:

– “Já vi este filme em 2020 e em 2018” 😊

E tu já “viste este filme”, várias vezes desde 2009 até hoje! 😉

Em relação às criptomoedas, também tenho a mesma filosofia: desejo que muita gente enriqueça graças a isso e não terei qualquer problema em perder “a grande oportunidade” se ela se vier a confirmar no futuro.

A forma como invisto deixa-me dormir descansado, porque sei que sou sócio das melhores empresas do mundo e à custa disso tenho os melhores profissionais a fazê-las crescer (e a fazer crescer o meu dinheiro) sem eu ter que me preocupar com isso.

Grande abraço e votos de um excelente fim de semana.

login

Faça login para aceder à sua conta.

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador.

Queres aprender a investir na Bolsa?

Preenche os dados seguintes para receberes os meus emails sobre esse assunto.